.


Expressão Numérica
(na vida ÷ com alguém, Eu + Você ≠ para sempre)
(Arth Silva)


Na matemática da vida
nossa soma nunca deu 2
Afinal:
Quantos poemas cabem
numa equação matemática?

E pela geometria do seu corpo
A língua do olhar
não faz uso da gramática

Assim eu perco a conta
pois no final das contas
não há desconto
e o que conta
é tudo faz de conta...

Um beijo em dízima
Um olhar periódico
Amor ²
Numa fração de segundos
Estado civil:
Apaixonado

Medindo um {raio que me parta}
Adicionei cada momento
Ciente do meu erro em linha reta
Afirmei ao firmamento:

Não há problema
quando não existe solução
A prova real desse contexto
tem como pretexto fatorar o coração

Na face uma expressão numérica
que me faz perder as contas
Pois não há desconto
é tudo faz de conta


5 comentários oníricos::

Thai disse...

"É tudo faz de conta"... Nem em fale.. rs

Arth Silva disse...

Esse é um texto que muita gente pode achar confuso.. até eu acho hehe

mas retrata bem aqueles relacionamentos que voce sabe que nao vai dar certo mais insiste...

quem sabe uma alusao ao meu "amor não correspondido" com a matemática kkk

cloacapublica disse...

"Olhar periódico" é uma expressão genial, cara! Pelo menos gostei demais. Merece até ser título de mais algum poema futuro seu.

Isadora Santana disse...

Que lindo...*-*


Você tem uma facilidade incrível com os problemas do amor ein!
....sabe fazer a conta direitinho!

Um beijo trinômio!( 3 desconhecidos beijos)

Samantha disse...

Nao correspondido?



Este é um blog de sonhos cotidianos.
Toda e qualquer semelhança com fatos reais é mero plágio da vida.